Quarta-feira, 18 de Abril de 2007

No silêncio do espírito

 

No silêncio do espírito

Escondes os pensamentos

Frios…permanentes

Pejados de tormentos

Que te roubam a vida

Deitando-te com os lamentos

 

No silêncio do espírito

Escondido existe o tu…

Pessoa linda

Cheia de vida…

Apenas por momentos adormecida

Na tua dor…na tua amargura

Abafando o teu dom a tua doçura

 

No silêncio do espírito

Guardas teus sonhos

Lembrando amores risonhos

E…é no teu silêncio que repousas

Tão só…tão órfã…tão sem vida…

Pensando…que

No silêncio do teu espírito

Estás em ti esquecida

Mas estás enganada…porque

Será no silêncio do teu espírito

Que voltarás erguida

 

publicado por wings às 02:04
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De Secreta a 19 de Abril de 2007 às 10:49
Um poema lindo , de esperança.
Beijito.
De Secreta a 2 de Maio de 2007 às 09:37
Vim fazer uma visita.
Deixo um beijito.
De Anónimo a 6 de Julho de 2007 às 14:41
como é....estar longe de alguém que tem tanto amor para dar e receber.gosto de homens como tu.mas penso que sofres por alguém....sabes o as tuas palavras dizem- me muita coisa,pois sou uma pessoa que sofre por amor....a vida por vezes é injusta penso que posso dizer que sou tua amiga não me leves a mal...farei o meu comentário sempre que poder amiga k p........

Comentar post

.mais sobre mim

.Novembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

.links

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds