Quarta-feira, 17 de Maio de 2006

Não me seques as lágrimas

Não me seques as lágrimas
Deixa-as correrem como um rio
Humedecendo-me a pele
Como um beijo teu
Percorrendo o meu corpo
Enquanto choro, sei!
Que sofro...sei, que não estou morto
 
Não me seques as lágrimas
Vindas da minha alma
Ardentes...imensas  
Transportam sentimentos...emoção
Deixa, não as seques
São alimento do coração
 
Por favor não seques as minhas lágrimas
publicado por wings às 17:40
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Princesa a 22 de Maio de 2006 às 16:18
Belo poema, muita emoção nessas lágrimas!

Gostei muito!
Princesa

Comentar post

.mais sobre mim

.Novembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

.links

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds