Sábado, 18 de Novembro de 2006

Algures...na Noite

 

 

Encontramo-nos...

Algures na noite...

Onde pernoitamos os sonhos

Nas horas perdidas

Dos prazeres errantes

Algures na noite

Polenizamos o leito

Com corpos escravos...

Dos proibidos silêncios...

E...foi...

Algures na noite

Que encontramos

Amantes desejos

Que... na noite...

Perdidos ficaram...

 

publicado por wings às 19:54
link do post | comentar | favorito
5 comentários:
De Secreta a 20 de Novembro de 2006 às 17:18
Nada ficou perdido , apenas guardado no teu pensamento e recordações...
Beijito.
De Peter15 a 20 de Novembro de 2006 às 22:11
Este poema trouxe-me à lembrança o "Strangers in the night".
De Magia a 21 de Novembro de 2006 às 19:59
Nada fica perdido na noite quando toca a emoções e sentimentos...Tudo fica em quem as vive, as saboreia e as recorda!

Nada se perde, tudo se transforma, nem que seja doces em lembranças
De Secreta a 22 de Novembro de 2006 às 10:21
Olá.
Passei para ver se tinha novidades no teu cantinho.
Deixo um beijito.
De BlueShell a 22 de Novembro de 2006 às 11:41
Sei bem como é....
Bjs
BShell

Comentar post

.mais sobre mim

.Novembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

.links

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds