Domingo, 25 de Novembro de 2007

Sente-me...Sem medos...

 

Acrilico de Wings

 

Deixa-te embalar nos meus pecados

Sem medos...

Entrelaça –te em mim…

Faz dos teus dedos soldados

Percorrendo o meu corpo…

Sente-me…

Entra no meu mundo

Invade-me os desejos…

Sem medos…

Descobre-me os sentidos

Apodera-te dos meus segredos

Sente-me…

Encontra-me em ti

Num melodioso gemido…

Entrega-te…

Abstrai-te do mundo…contrai-te

Liberta-te…Liberta-me…

Sem medos…

Sente-me…

Sim, mais uma vez...

 

publicado por wings às 01:38
link do post | favorito
De Lua de Sol a 25 de Novembro de 2007 às 02:57
O quadro está lindíssimo! Tens a certeza de que não és pintor?! Tomara muitos... Curioso, os dois últimos que mostraste são muito em tons de cinza, negro... E gosto muito. Sou de amores e desamores: ou cores fortes ou aquela sensação de quase ausência de cor... Além de considerar que todas as tuas pinturas se centram num tema que gosto muito; relações, sentimentos e da mulher ter sempre um lugar cativo e de destaque, expressas a paixão entre dois seres de modo muito belo e sensual...Erótico, carregado de carnalismos que enchem a alma de transcendentalismos. Adoro a "sensação" de textura, de volume que lhes crias... Combina deliciosamente com a composição.

Agora, o poema... as palavras nuas que acompanham as imagens nuas... De um encantamento e profundidade especiais.
Já na escrita, na poesia, primas pela simplicidade e singeleza, o que confesso, me agrada particularmente. Estas palavras estão deliciosas.

Acho que no conjunto, o que mais gostei... Amei!

Beijos
De wings a 25 de Novembro de 2007 às 23:02
És muito generosa no teu comentário, fiquei deveras sensibilizado com as tuas palavras. Não sou pintor, apenas aprendiz auto-didata, nunca tive aulas de pintura, só o que leio nos livros que vou adquirindo, embora seja um sonho muito antigo, mas, só a cerca de dois anos é que pinto, mas pouco, depende muito da minha inspiração no silêncio das horas vazias!!!
Para mim, a mulher, o seu corpo, o seu aroma, o toque, são formas florais, delicadas às quais todo o homem deve apreciar e amar sem limites!
Um homem que não é capaz de olhar a beleza de uma flor "mulher", jamais terá a capacidade de a amar!
Quanto às palavras, é para mim bem mais fácil, na minha cabeça andam sempre em turbilhão, infelizmente tenho o péssimo hábito, de não escrever as ideias que vão surgindo, estou a tentar melhorar, até quando estou a cozinhar, vou começar a apontar as ideias, (onde é que eu ouvi alguém dizer que escrevia junto às panelas),, não sei, talvez num sussurro de uma Lua plena de Sol.

Beijos
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.online

.mais sobre mim

.Olha as horas

.Novembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Maio 2006

.links

.Visitas

Free Counter

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds